SAÚDE DO MUNICÍPIO

Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias da Prefeitura de Diamantina e diretores do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais estiveram reunidos na manhã desta terça-feira, 31 de outubro, para tratar da recomendação do Ministério Público de dispensa desses servidores para contratação por meio de processo seletivo. “A nossa preocupação e a do promotor Luiz Gustavo Patuzzi Bortoncello é com o bem público, com o dinamismo do trabalho desempenhado pelos agentes. Desta maneira, estarei acompanhando de perto, e junto com os próprios agentes, a prestação desses serviços no município”, declarou o prefeito.
Juscelino informou aos agentes e sindicato que enviou um ofício ao promotor ressaltando a importância do trabalho realizado pela atual equipe. No documento ao Ministério Público, o prefeito ressalta que a dispensa acarretaria prejuízos para o município, tanto do ponto de vista financeiro, já que os agentes são contratados pela CLT e a demissão requer acertos trabalhistas, mas principalmente do ponto de vista da eficácia dos programas de saúde. “Quase todos os agentes já têm muitos anos de experiência e conhecem a realidade do município. Mas vamos acompanhar de perto a produtividade e a eficácia do serviço prestado”, afirmou o prefeito. Esses agentes que atuam em Diamantina foram contratados por meio de processo de provas e títulos, de acordo com a Lei 11.350/2016.

22894273_2046423988926074_2237852334826470813_n 22852122_2046423998926073_6340922688249880317_n 23032423_2046425558925917_5206442595567838243_n